Categorias
Artigos Mente e Criatividade Querido Diário

Qual a importância dos animais?

Qual a importância dos animais? E haveria ‘desimportância’?  Somo todos animais, cada um com sua função, há quem os ignore, os maltrate, os tema… mas eles estão por aí em todos os lugares.

Se os animais não tivessem sua função em nossa sociedade, não teríamos domesticado diversos deles, concorda? Ao longo do tempo trabalharam para nos proteger, nos fazer companhia, nos ajudar a caçar, a manter a moradia em ordem (sim, aquele pequeno cãozinho que você tem em casa, pode ter sido fruto de criadores para a limpeza e caça de ratos).

Há ainda valores energéticos. Os egípcios acreditavam que os gatos eram, em si, portais para o mundo astral.

Eu tenho dois gatos e um cachorro. Lembro até hoje o dia que o Bóris, o primogênito, esse aí da foto, chegou lá em casa. Morávamos ainda em Gravataí, e no dia que fomos busca-lo, paramos no posto de gasolina, Cris desceu até a loja de conveniências para pegar uma daquelas pizzas congeladas e eu fiquei no carro com ele. Tímido, acanhado por ter sido separado da mãe e do lar antigo, logo mostrou ao que veio, em alguns segundos estava perambulando pelo meu pescoço. Se eu fecho os olhos posso sentir, ver essa cena completa.

A internet não tem TBTs tão bons quanto a mente, não são tão completos. Cada animal que passa a fazer parte da nossa família, vai deixando memórias complexas, intricadas com sentimentos bons e outros nem tanto (como nos momentos em que a Lua, a cã, faz suas necessidades fora do lugar…).

Se os animais são importantes? A resposta é SOMOS! Quem descordar que psicografe uma carta de Deus provando o contrário, se não a tem, por favor, vá entender suas fobias, pois estas criaturas nasceram para viver tanto e tão bem quanto nós!