Categorias
Gincana Criatividade Liderança Mente e Criatividade

Falar em público é um exercício constante! 10 dicas para melhorar a performance.

Se você já fez alguma apresentação na escola, faculdade ou no trabalho, sabe que sempre dá aquele frio na barriga antes, durante e depois. Muitas vezes ficamos nervosos, e por conta disso, nossa habilidade de fala se vai por água a baixo.

Deixa eu te dizer uma coisa: FAZER ISSO BEM, É UM EXERCÍCIO!

Na última quinta-feira, trabalhei com os alunos da Disciplina de Criatividade e Inovação, da Ftec, essa habilidade. Abaixo, listo 10 dicas rápidas para você falar bem em público.

  1. Respire
    • A respiração faz com que você se acalme, e também, faz com que sua voz saia de forma normal. Se você fica nervoso, sua respiração pode ficar mais ofegante, o que reduz a quantidade de oxigênio no cérebro e aumenta as chances de dar branco. Uma boa dica na hora de respirar é aproveitar o momento para fazer um reconhecimento da audiência e localizar aqueles rostos amigos.
  2. Monte um esquema
    • Evite ter anotações com textos longos. Dê preferência para esquemas, e evite que outra pessoa faça as anotações dos tópicos principais por você. Se alguém o fizer, tenha certeza de ler e reler ao menos umas 3 vezes junto com o suporte que você vai utilizar na sua fala (power point, prezi, etc…). Caso você precise do texto inteiro, destaque em negrito as informações mais importantes, e tenha certeza de ter uma letra grande (de preferência impressa) em sua ficha. E lembre-se de montar uma dinâmica em que você possa descartar as fichas já utilizadas.
  3. Tenha uma história encadeada
    • Se você criar mentalmente, um início, meio e fim para sua fala, fica mais fácil lembrar de todos os detalhes. Para isso o processo de StoryTelling pode ajudar.
  4. Dialogue com a audiência
    • Lembre-se de que você está falando com pessoas. Imagine uma mesa de bar. Nesse espaço, todas as pessoas dialogam. Imagine que você fala sem olhar para ninguém. É possível fazer isso? Só se você for maluco, doidinho, pirado, concorda? Então olhe para as pessoas enquanto fala. E evite olhar para apenas uma pessoa, da mesma forma, se você estivesse no bar, as outras pessoas cansariam de ficar vendo apenas 2 amigos trocando ideias e os outros em silêncio. Por isso, faça contato visual com mais de uma pessoa, se possível com todas.
  5. Tenha um suporte real
    • Apresentações no data show, devem ser um suporte para sua fala. Por isso, a mesma tem de ser coordenada entre você e o suporte. Complemente com dados extras, antecipe-se a aparição das telas.
  6. Varie o tom de voz
    • Canção de ninar, tem sempre o mesmo tom. Por isso varie, você pode subir e descer a voz para dar enfase a momentos importantes de sua fala.
  7. Varie a velocidade de fala
    • Rápido demais ou lento demais, faz com que as pessoas percam a atenção e no final de sua fala não lembrem do que você falava no começo. Por isso, varie velocidades na fala, nos momentos em que for possível falar mais rápido, o faça, e mais lento também. Só cuidado para não ficar indo e vindo demais nas velocidades.
  8. Tenha exemplos próximos da audiência
    • Todo mundo quer se identificar com o assunto para seguir prestando atenção. Pra isso, você precisa dar exemplos que sejam o mais próximos o possível das pessoas para as quais você está falando. Se for fazer a mesma fala para pessoas diferentes, vale apena ter exemplos variados. Ainda, se você for repetir a fala para outras audiências, é importante rever os exemplos para ver se ainda estão adequados.
  9. Seja honesto consigo mesmo, mas encarne um personagem
    • Você precisa estar confortável para realizar sua apresentação. Seja honesto consigo mesmo, evite piruetas que você não tenha ensaiado anteriormente. Teste em casa e na frente do espelho. E na hora da apresentação, lembre-se, você é aquele momento, esqueça o resto, encarne o seu eu apresentador.
  10. Ensaie mentalmente sua fala e possíveis intervenções
    • Toda vez que passamos uma imagem de uma situação mentalmente, simulando com nossa imaginação os acontecimentos, nosso cérebro entende como se já tivessemos vivido tal situação, e começa a se preparar cada vez melhor, para as diversidades que podem ocorrer. Isso faz com que na hora H você esteja um pouco mais preparado, pois sua mente não vai encarar aquela situação como a primeira vez.

 

 

Se você é aluno desse curso, pode visualizar seu resultado abaixo, com a senha que combinamos em sala de aula, em caso de dúvidas, entre em contato 😉

Alice Dos Anjos https://vimeo.com/164739333 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Amanda Jaqueline Garcia Pinto https://vimeo.com/164739319 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Antonio Luis Fonseca https://vimeo.com/164739337 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Bruna Barbieri https://vimeo.com/164739321 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Bruna Jablonski Damian https://vimeo.com/164739330 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Daieli Martins https://vimeo.com/164739345 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Dionatan Saquetti Schmeling NÃO PARTICIPOU DA ATIVIDADE Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Douglas de Oliveira Schneider https://vimeo.com/164739323 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Edson Junior Peres Pereira NÃO PARTICIPOU DA ATIVIDADE Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Eduardo Vargas https://vimeo.com/164739340 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Emerson Zaparolli https://vimeo.com/164739317 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Emili Ribicki https://vimeo.com/164739336 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Felipe André Weber https://vimeo.com/164739331 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Gabriella Paravisi Mazzochi https://vimeo.com/164739339 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Gislaine Reinehr https://vimeo.com/164739318 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Leonardo Junker da Silva https://vimeo.com/164739316 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Lucas Barp de Matos https://vimeo.com/164739322 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Luiza Manzano de Quadros https://vimeo.com/164739327 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Marcos Borges da Silva https://vimeo.com/164739324 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Miguel Bossle Fernandes https://vimeo.com/164739342 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Paola Bampi https://vimeo.com/164739335 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Vilnei Corso https://vimeo.com/164739329 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)
Willian Lisot https://vimeo.com/164739328 Quero deixar este vídeo público (encaminhe mensagem com sua solicitação)