Categorias
Artigos Coach Mente e Criatividade

Culpa ou responsabilidade? Os aprendizados da vida…

A diferença entre responsabilidade e culpa é gigante! Só que a maioria de nós coloca tudo no mesmo saco. Se duvidar, sacode e quando precisa tirar uma, vem a outra. Quando se fala em responsabilização as pessoas se assustam, pois tem em seu imaginário a crença da culpa, não da responsabilidade. Como nossa cultura é punitiva, não educativa, isso é basicamente normal. Logo se você escuta a palavra responsabilização e já se assusta, você não é um alien, mas até que poderia ser!

Toda vez que me pego com peso de não ter feito algo, ou me amargurando por alguma situação, logo identifico que estou vibracionando a culpa. Para reduzi-la eu preciso vibracionar o primeiro estágio da responsabilidade, a das minhas emoções e consciência. Quando entendo que sou responsável, não significa que sou culpado, mas que posso ser o agente da mudança. Observando meus clientes, alunos e o mundo, chego a algumas conclusões que já ajudaram vários deles a mudar sua postura diante do mundo, produzir menos sofrimento e viverem e melhores condições.

1º. Você não é responsável pelos atos dos outros, mas é responsável pelas suas próprias ações, as que geram os atos, e as respostas aos atos.

2º Ninguém é culpado pela vida que você leva atualmente, exceto você, se você se responsabiliza, toma para si, ser o agente da mudança, a culpa some e você começa a construir mérito.

3º Você não tem culpa do que sente, mas é responsável pela forma como demonstra.

4º Toda vez que você encontra alguém no caminho da vida é sua responsabilidade definir o lugar que essa pessoa ocupará. Caso contrário, ela o fará, e a partir desse momento você perde o controle dos papeis em sua vida e no seu dia a dia.

5º O governo, a escola e a igreja não são culpados da vida que você leva, e muito menos responsáveis pela sua atual situação. Arregace as mangas e faça a vida que você quer por você mesmo. Discutir política e apontar os dedos para os culpados não muda em nada a sua vida, você precisa se responsabilizar pela sua realidade e AGIR.

A ação é a melhor forma de se responsabilizar por alguma coisa. Quando você fica parado na inércia, o acaso e o destino tomam conta da sua vida, e logo, a culpa. Se você se responsabiliza, você vira agente da sua mudança.

Infelizmente tem vezes que nos esquecemos disso. Eu preciso constantemente me lembrar. A melhor forma de agir, é aos poucos. Primeiro entendendo, depois aperfeiçoando, depois dominando e por último expandido o alcance das nossas ações. Pense nisso! Eu penso seguidamente.